ELIMINAÇÃO DA DISCRIMINAÇÃO
PROMOÇÃO DA IGUALDADE
ENTRE HOMENS E MULHERES
PÁGINA INICIAL
APRESENTAÇÃO
EQUIPA
PRINCÍPIOS
OBSERVATÓRIO
» em foco
» opinião
» análise
» conciliação
MATERIAL
LINKS
ENTREVISTAS COM...
»  NÃO DEVERIA SER AO CONTRÁRIO?
»  flexibilizar para conciliar
»  08.03.2013
»  time swing
»  olhos nos olhos
»  100 anos da moda
»  Rostos
»  Babies
ARQUIVO
» Trabalho
» Família
» Cidadania
» Mulher
 

COORDENADORA EM PORTUGAL
DA NEW WOMEN FOR EUROPE
 
 
ANÁLISE
 
SEXTA-FEIRA, 15 de novembro de 2013
Viver é abdicar
Podemos conhecer o coração de alguém pelas suas afeições... mas talvez lá se consiga chegar melhor através de uma análise àquilo de que desistiu, o que decidiu não querer...
José Luís Nunes Martins - Jornal I
- - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - -
SEGUNDA-FEIRA, 10 de setembro de 2012
UTOPIA OU OUSADIA?
A ministra francesa dos direitos da mulher anunciou o propósito do seu governo de abolir a prostituição. Trata-se de seguir o chamado “modelo sueco”, que vigora desde 1999 e assenta na punição do proxenetismo e também do cliente de serviços de prostituição; no apoio à reinserção social das mulheres prostitutas; e no esforço pedagógico nos sentido de essa prática passar a ser encarada como um atentado aos direitos humanos.
Pedro Vaz Patto
- - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - -
QUARTA-FEIRA, 18 de janeiro de 2012
Barrigas de Aluguer
A “maternidade de substituição” (vulgarmente conhecida como “barriga de aluguer”), isto é, a situação em que a mulher se dispõe a suportar uma gravidez por conta de outrem e a entregar a criança após o parto, renunciando aos poderes e deveres próprios da maternidade. Pretende-se tornar lícita tal prática quando não lucrativa.
Pedro Vaz Patto
- - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - -
QUINTA-FEIRA, 3 de novembro de 2011
"Rotinas díárias das crianças"

As rotinas diárias das crianças mudaram bastante nestas últimas décadas.

- - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - -
TERÇA-FEIRA, 22 de março de 2011
Manual de Sensibilização PVP & PVP
O Manual de Sensibilização PVP&PVP é o produto final do projecto «Participar na Vida Pública & Partilhar a Vida Privada».
Associação Mulheres em Acção
- - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - -
QUARTA-FEIRA, 9 de junho de 2010
O género é que está a dar

 O género está para os dias de hoje como o pecado para a titi de A Relíquia queirosiana. A dita senhora via pecado em todo o lado e quase não perdoava ao Deus que tanto adorava ter dividido a humanidade em homens e mulheres, dualidade que estava na origem de todo o mal

Helena Matos em 22 Maio, 2010 PÚBLICO
- - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - -
SEXTA-FEIRA, 6 de novembro de 2009
Queremos votar. Exija o referendum!
Numa matéria de tão grande significado ético, cultural e civilizacional, exija o referendum!
Cláudio Manuel Maurício Anaia
- - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - -
SABADO, 3 de outubro de 2009
Jantar com Domitília dos Santos na AEP – Av. Boavista - Porto - 22 DE OUTUBRO, 20 H0RAS
Jantar  com Domitília dos Santos na AEP – Av. Boavista - Porto - 22 DE OUTUBRO, 20 H0RAS
Mulheres em Acção
- - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - -
SEXTA-FEIRA, 7 de dezembro de 2007
Europa, quem és tu?
A Europa não é uma evidência geográfica. Com efeito, os seus limites não estão demarcados por nenhuma circunstância natural, como acontece, pelo contrário, nas nações ou nos continentes cujas fronteiras são acidentes naturais que se impõem por si mesmos.
Gonçalo Portocarrero de Almada
- - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - -
QUARTA-FEIRA, 13 de junho de 2007
As falácias pós-modernas do relativismo
Num recente artigo, publicado na revista espanhola de pedagogia, os seus autores referem-se ao que eles designam por “valores rasos da educação pós-moderna.” Na actualidade, continuamos a assistir à dominância dos valores planos e irrelevantes da pós-modernidade feita moda na sociedade e na educação.
Teresa Maduro Gonçalves
- - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - -
TERÇA-FEIRA, 13 de março de 2007
“A bela e o mestre” ou o aborrecimento metafísico!

Partindo princípio de que os homens portugueses não apreciam mulheres, a TVI decidiu empanturrar-nos com 8 jovens mulheres que foram descritas como "belas e lindas". Depois de ver o espectáculo, enquanto homem senti-me insultado. Insultado, sim. No fundo, querem fazer crer que são aquelas as mulheres pretendidas, desejadas e que todos os homens querem. Longe, meus amigos. Muito longe.

António Semelhe - Mulheres em Acção
- - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - -
QUINTA-FEIRA, 8 de março de 2007
Diz que é uma espécie de Grandes Portugueses

Há neste programa uma espécie de lotaria histórica. Um pequeno sorteio. Não é só por cá que o concurso é resultado de mistificações e deturpações históricas.

António Semelhe - Mulheres em Acção
- - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - -
QUINTA-FEIRA, 14 de dezembro de 2006
Conciliação Família-Trabalho
As políticas de Conciliação devem ser promovidas e estimuladas nas empresas, fomentando, deste modo, um ambiente benéfico e que retumbará num êxito social, comercial e, consequentemente, económico.
António Semelhe - Associação Mulheres em Acção
- - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - -
QUARTA-FEIRA, 20 de setembro de 2006
Revistas Femininas : A Tirania da Publicidade
resumo A estrutura dos conteúdos das revistas femininas está dependente da publicidade. As revistas femininas estão praticamente iguais, nos últimos quinze anos, e se há uma área da sociedade que mudou muito, foi a da mulher!
Mulheres em Acção
- - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - -
SEGUNDA-FEIRA, 5 de junho de 2006
OS MORTOS VIVOS DO ABORTO NA EUROPA
O aborto provocado ou Interrupção Voluntária da Gravidez (I.V.G.) gera vítimas directas e primeiras (os seres humanos em desenvolvimento no ventre materno) e indirectas.
Maria Pia Ramalho Fontes, Associação Mulheres em Acção
- - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - -
QUARTA-FEIRA, 24 de maio de 2006
ESTUDO SOBRE OS MOTIVOS DA «INTERRUPÇÃO VOLUNTÁRIA DE GRAVIDEZ» EM ADOLESCENTES E JOVENS
Os motivos que levam à prática do aborto em adolescentes e jovens.
Maria Pia Ramalho Fontes - Associação Mulheres em Acção
- - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - -
QUARTA-FEIRA, 5 de abril de 2006
«MARIA, MAIS DO QUE UMA REVISTA, A SUA MELHOR AMIGA.»
As revistas para mulheres são veículos de cultura de massas altamente lucrativos, com uma circulação que remonta ao início do século XVIII...
Joana Barbosa, Associação Mulheres em Acção
- - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - -
 
     
   
Direitos reservados © Associação Mulheres em Acção
E-mail geral@mulheresemaccao.org
 
SUBSCREVA A NOSSA NEWSLETTER - CLIQUE AQUI